h1

Amsterdã

abril 15, 2010

Venha, oh, minha estrela está se apagando
E eu saio do controle
Se eu, se eu só esperasse
Eu não estaria preso neste buraco

Venha aqui, oh, minha estrela está se apagando
E eu saio do controle
E eu juro, eu esperei e esperei
Tenho que sair deste buraco

Mas o tempo, está ao seu lado…
está ao seu lado, agora
Não empurrando você para baixo e tudo ao redor
Isso não é motivo para preocupação

Venha, oh, minha estrela está se apagando
E eu não vejo chance para libertação
E eu sei, eu estou morto na superfície
Mas eu estou gritando lá de baixo

E tempo está ao seu lado…
está ao seu lado, agora
Não empurrando você para baixo, e tudo envolta
Não, Isso não é motivo para preocupação

Preso no final dessa bola e corrente
E eu estou em meu caminho
Para baixo novamente
Perto da beira
Amarrado ao laço
Doente ao estômago

Você pode dizer o que você quer dizer
Mas isso não mudará uma coisa:
Eu estou doente dos segredos
Perto da beira
Amarrado ao laço
E você veio e me cortou a liberdade
Você veio e me cortou a liberdade
Você veio e me cortou a liberdade

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: